CPT - Centro de Produções Técnicas

Após meses em queda, as exportações de lácteos voltaram a subir em julho, impulsionadas pela Venezuela. As vendas, de 9,7 mil toneladas, mais do que dobraram em relação a junho. Desse volume, cerca de 6,5 mil toneladas foram vendidas pela Itambé ­ joint venture entre Vigor, do Grupo J&F, e a Cooperativa Central dos Produtores Rurais de Minas Gerais ­ à Venezuela, a preço três vezes superior ao de mercado. O leite foi exportado a US$ 5.700 a tonelada, valor que embute o risco de vender ao país. A J&F diz que o preço é alto porque a venda é feita sem carta de crédito, com prazo de pagamento de 90 dias. Além disso, o leite é armazenado e distribuído no país vizinho pela própria J&F.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here