CPT - Centro de Produções Técnicas

O Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados do Rio Grande do Sul acompanha os desdobramentos sobre atraso no pagamento do leite para produtores por parte de empresas ou indústrias. Em entrevista hoje pela manhã, 03, na RPI, o secretário executivo do Sindilat, Darlan Palharini, explicou que a entidade tem trabalhado com a Fetag para buscar alternativas a fim de resolver o impasse. Ele entende que o governo estadual deveria ser chamado para essa discussão, pois tem poder para auxiliar na busca pelo dinheiro atrasado. Em relação à Promilk, que tem grande valor a quitar do leite para agricultores da região de Ijuí, Palharini esclarece que a empresa não é associada ao Sindilat, mesmo assim a atuação com a Fetag visa encontrar alternativas jurídicas para a questão. No que se refere à indústria Bom Gosto, Darlan Palharini frisou que a Lactalis adquiriu os ativos do empreendimento e a tendência é que os agricultores recebam as verbas atrasadas.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here