CPT - Centro de Produções Técnicas

Será realizado, entre os dias 22 e 23 de maio, o 1° Curso de Extensão Universitária: Indicação Geográfica, inocuidade e tecnologia na produção de queijos artesanais. O curso, que vai acontecer na Universidade Luterana do Brasil, em Canoas (RS), é destinado a instituições de fomento às Indicações Geográficas, serviços oficiais, professores, estudantes e demais interessados na cadeia produtiva de queijos. Atualmente, foi levantada a existência de pelo menos 22 regiões produtoras de queijos artesanais feitos a base de leite cru no Brasil. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), por meio das Secretarias de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo e Defesa Agropecuária, tem destinado especial atenção à regularização deste tipo de queijo, incluindo alteração na legislação, fomento e apoio a projetos específicos, entre eles, as Indicações Geográficas. O curso visa refletir sobre alguns pontos críticos da produção de queijos de leite cru, esclarecer sobre legislação vigente, fortalecer os conhecimentos básicos sobre a microbiologia deste produto e assim oferecer apoio à sustentabilidade do produto e, consequentemente, da Indicação Geográfica para os queijos de leite cru. Nos últimos anos, durante a execução do trabalho de fomento às Indicações Geográficas no RS, constataram-se diferentes versões sobre a relevância do período de maturação de queijos de leite cru, bem como dúvidas sobre aspectos importantes para uma produção de excelência deste alimento. As prerrogativas para a garantia da inocuidade precisam ser muito bem entendidas para que estes queijos possam se situar dentro de limites que consigam, ao mesmo tempo, garantir qualidade, renda e preservar o patrimônio histórico e cultural presente no produto. O curso de extensão é de âmbito estadual e conta com cerca de 150 vagas. As inscrições podem ser feitas por meio da página da Universidade na internet. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 3477-9103.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here