CPT - Centro de Produções Técnicas

Seis semanas após a introdução das sanções retaliatórias russas contra a União Europeia, a maioria dos produtores agropecuários europeus estão começando a sentir o efeito dessas, segundo noticia o jornal The Guardian. O valor das exportações de produtos agropecuários para a Rússia totaliza 11 bilhões de euros por ano. Cerca de 29% de todas as frutas e verduras e 33% dos queijos produzidos na UE entram no mercado russo. De acordo com a Copa Cogreca, uma organização que representa os interesses de produtores agropecuários europeus, os preços em ambos os setores de alguns países registraram um declínio de até 80% após a introdução do embargo de alimentos. A principal preocupação dos fornecedores holandeses de frutas e verduras está associada a uma queda de 75 a 80% nos preços de berinjelas, pimentões, tomates e pepinos. Além disso, centenas de caminhões já são incapazes de chegar ao destino na Rússia, segundo informa a associação comercial Frugi Venta.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here