CPT - Centro de Produções Técnicas

Os pequenos produtores de leite de Santa Catarina devem receber até 2019 um total de R$ 66 milhões de auxílio do governo federal. O financiamento foi anunciado nesta terça-feira (29) em Brasília, pelo Ministério da Agricultura. De acordo com o ministério, o programa foi batizado como Leite Saudável com o intuito de melhorar a qualidade do produto no país. Somente em Santa Catarina, um dos cinco estados beneficiados pela ação, 15 mil propriedades de 78 municípios devem participar. Atualmente, o estado produz em média 7 litros de leite diários por vaca. A meta é passar para 16 litros por dia até 2019. A seleção desses produtores vai começar na segunda quinzena de outubro, informou o governo. O dinheiro será usado, por exemplo, para dar assistência técnica e cursos para os produtores, melhorar a genética dos animais e controlar doenças. "A identificação deles [os selecionados] são aqueles que já estão entregando, que já estão dentro de uma cadeia. Caso ele só quiser assistência técnica, sem fazer curso, vai ser desclassificado. Tem que ter adesão completa", disse a ministra da Agricultura, Kátia Abreu. Ao todo, o Ministério da Agricultura e o Sebrae prometem investir R$ 387 milhões de reais até 2019 nos cinco estados que mais produzem leite no país: Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná, Goiás e Santa Catarina.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here