CPT - Centro de Produções Técnicas

Ao considerar a média de todos os produtos pesquisados, os preços dos lácteos subiram 0,6% na segunda quinzena de março, em relação à primeira metade do mês. O levantamento é da Scot Consultoria que ainda aponta que o grupo dos queijos, o leite longa vida e o requeijão foram os principais responsáveis pela alta do preço dos lácteos. Mesmo com o aumento da segunda quinzena de março, os preços estão menores do que os apontados no mesmo período do ano passado e considerando o atual cenário econômico do país, não pode se esperar grandes elevações para este mercado neste ano. Com isso o consumo de produtos lácteos de maior valor agregado deve ser mais afetado. Ainda de acordo com a empresa de consultoria, existe uma forte pressão do varejo em relação aos aumentos dos preços dos lácteos, alegando consumo fraco. Por isso, caso novas altas vierem a acontecer, é possível que subam menos do que nas quinzenas anteriores.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here