CPT - Centro de Produções Técnicas

A Itália é a verdadeira pátria do queijo. Isso porque, segundo a Associação Italiana de Laticínios (Assolatte), o produto está em primeiro lugar no ranking de consumo dos alimentos frescos. Ele representa quase 25% do valor total de gastos das famílias sendo que, em seguida, vêm os salames (15%) e as frutas e verduras embaladas (14%). Já na França, também famosa sobre seus queijos, salames e carnes representam 23% das despesas dos franceses com comida enquanto a iguaria fica com 20% do orçamento. Os pratos refrigerados ou congelados representam 12%. A Holanda também foi analisada pela Assolatte e lá a situação dos queijos não é das melhores. Os holandeses gastam 28% das despesas é para comprar carnes e salames, 16% para frutas e verduras e apenas 12% para os queijos.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here