CPT - Centro de Produções Técnicas

O escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) está selecionado produtores de leite em Parauapebas, no sul paraense, para inclusão em projetos de fortalecimento da cadeia produtiva, principal atividade econômica da agricultura familiar no município. O levantamento atende a solicitação da Extensão Amazônia, instituição que presta serviço para o Sebrae-PA, com o objetivo de elaborar um diagnóstico da bovinocultura leiteira. De acordo com o engenheiro agrônomo e chefe do escritório local, Raimundo Pereira de Sá Júnior, nesta semana serão realizadas visitas em propriedades rurais nas comunidades de Cedere I, Palmares I e II, na Colônia Paulo Fonteles e na Área de Proteção Ambiental (APA) Igarapé Gelado, que contam com o atendimento da Emater. “Ao todo selecionaremos 20 unidades familiares produtoras de leite que irão receber, em 2015, ações que visem fortalecer a atividade”, diz Raimundo Jr. Em Parauapebas, a Emater atende, em parceria com a Secretaria Municipal de Produção Rural, a 400 famílias agricultoras, que além da pecuária leiteira também praticam a fruticultura, a apicultura a mandiocultura e outras culturas de subsistência. No primeiro semestre deste ano, sete famílias produtoras foram contempladas com recursos oriundos do Programa Nacional de Fortalecimento à Agricultura Familiar (Pronaf) que totalizam ,R$ 207 mil, por intermédio de projetos de crédito rural elaborados pela Emater, com a expectativa de que, com estes recursos, se possa alcançar um aumento de 50% na produtividade do leite.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here