CPT - Centro de Produções Técnicas

Pesquisa da Universidade do Vale do Taquari (Univates), sediada em Lajeado (RS), pode ter encontrado uma nova serventia para o soro lácteo gerado na produção de queijos, o que pode gerar valor agregado.

A estudante de engenheira química e responsável pelo estudo, Francielle Mobayed, estava trabalhando na produção de enzima lactase para fabricação de produtos sem lactose, porém, um dos entraves era o custo elevado dos insumos. A surpresa veio quando ela testou o soro lácteo e obteve resultados ainda melhores do que com as outras opções.

Segundo Francielle, o resultado dos estudos em laboratório tem sido tão positivo que as chances de ser aplicado na indústria é grande.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here