CPT - Centro de Produções Técnicas

Fundada por François-Louis Cailler em 1819, a marca de chocolate suíça mais antiga tem como retalhista primário a Amazon, tendo já planeada a sua entrada nos mercados selecionados dos EUA, Europa e Ásia. Ainda produzido na sua fábrica original em Broc, «Maison Cailler», o chocolate Cailler recorre a leite de produtores locais e utiliza cacau de mais elevada qualidade, integrado no projeto Nestlé Cocoa Plan. Com quatro caixas diferentes, de tamanho pequeno ou grande, e oito variedades de tabletes, os chocolates Cailler vão estar disponíveis para compra através da Amazon nos EUA, Reino Unido e Alemanha, como também através dos retalhistas situados em grandes aeroportos como o de Genebra, Zurique, Dubai e Singapura. Este mês a marca irá disponibilizar ainda uma quinta variedade de chocolates, que será colocada pela primeira vez no mercado chinês. No âmbito da nova categoria «super premium», a gama de produtos Cailler terá um novo design, elaborado à mão especialmente pelo artesão Suíço, Marianne Dubuis, que vai incorporar a arte Suíça de corte de papel na silhueta das embalagens. Cada uma irá contar uma parte da história da marca. "Estamos muito orgulhosos de podermos apresentar o Cailler ao resto do mundo", refere Sandra Martinez, directora do negócio global de Chocolates da Nestlé. "Este produto encara todas as características de um produto super-premium – de elevada qualidade com uma história e imagem de marca únicas. Acreditamos que tem um grande potencial a nível global." Muito popular na Suíça pelo seu sabor e textura cremosa, a marca está disponível no mercado internacional desde 1 de Outubro.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here