CPT - Centro de Produções Técnicas

O queijo minas artesanal da cidade de Medeiros ganhou autorização para ser vendido em todo o Estado. Após dois anos de trabalhos de vistoria e adequação às normas do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), os produtores concluíram o cadastramento definitivo junto à Gerência de Certificação. A cidade já era uma das integrantes do Circuito da Serra da Canastra. Para poderem ampliar o mercado, as indústrias da cidade atenderam às regras de segurança alimentar, saúde e meio ambiente e, por isso, conquistaram o cadastro definitivo e receberam um certificado. Com a implementação da lei estadual nº 19.476 , de janeiro de 2011, que regulariza as pequenas agroindústrias rurais, os estabelecimentos menores tiveram a permissão de continuar produzindo até se adequarem totalmente às normas sanitárias. Essa condição é válida por um período de dois anos, tempo concedido pelo IMA para que o proprietário ajuste sua produção rumo à obtenção do cadastro ou registro definitivo, como aconteceu com as quatro agroindústrias de Medeiros. O processo de adequação das agroindústrias familiares é realizado pelo Programa de Apoio à Regularização dos Estabelecimentos Rurais de Pequeno Porte, implantado pelo IMA em 2012. Ao todo, são 245 queijarias em todo o Estado e outras 60 que estão em processo de regularização.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here