CPT - Centro de Produções Técnicas

Nos últimos três meses, o preço do leite ao produtor tem apresentado alta. Esses aumentos são sustentados pela entressafra na região Sudeste, o que faz com que a alta acumulada desde o pagamento realizado em fevereiro deste ano seja de 5%. No pagamento do mês de maio, o produtor recebeu R$ 0,929 por litro, referente à produção de abril, que foi marcado pela queda de 1,5% na produção de leite. Já para o pagamento de junho (produção de maio), 50% dos laticínios pesquisados pela Scot Consultoria acreditam em altas nos preços, 46% na manutenção dos preços e 4% acham que as cotações sofrerão pequena queda. Com isso, a expectativa é que os preços permaneçam firmes até agosto/setembro. Por fim, vale ressaltar que apesar da queda da produção no Brasil Central e região Sudeste (entressafra), no Sul do país a produção já começa a aumentar com as pastagens de inverno e suplementação no rebanho.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here