CPT - Centro de Produções Técnicas

A ministra da Agricultura, Kátia Abreu, afirmou que o Brasil tem condições de exportar mais do que as tradicionais commodities da pauta agropecuária, como soja, milho e carnes. Entre os itens com grande potencial está o leite. A ministra disse ser possível chegar a US$ 825 milhões em exportações de lácteos até 2018. Kátia Abreu ponderou, no entanto, que para o recém-lançado Programa Leite Sustentável deslanchar é preciso melhorar o sistema de defesa sanitária do País. "Não dá para gastar milhões de reais com um programa se o gado estiver doente", disse a ministra. "Nós temos também de melhorar o sabor e a qualidade do leite; as pessoas estão exigentes", afirmou. Kátia Abreu acrescentou que vai melhorar o sistema laboratorial responsável pelas análises de leite. "Vamos pegar firme nas análises", explicou. Um sistema de análise e de compilação de dados será criado para garantir a qualidade dos produtos lácteos. "Vamos saber onde não está funcionando e corrigir os problemas", disse ela, referindo-se à possibilidade de detectar regiões produtoras de leite abaixo dos padrões mínimos de qualidade a partir das análises laboratoriais. Leite Compen$ado Kátia Abreu falou sobre a Operação Leite Compen$ado, do Ministério Público do Rio Grande do Sul, que vem identificando fraudes no leite gaúcho. Ao citar a operação, e as fraudes descobertas no produto, a ministra defendeu a produção de leite no Estado e disse que não se pode abandonar uma região em função da "desonestidade de alguns". "O caso está sendo investigado e pessoas estão sendo presas", afirmou.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here