CPT - Centro de Produções Técnicas

Nas versões natural, batido, de aromas ou com pedaços de fruta, cereais ou chocolate, o iogurte contribui bastante para o desenvolvimento saudável na infância, em especial na idade escolar. Resultante da obtenção da ação fermentativa das bactérias lácteas – Lactobacillus bulgaricus e Streptococcus termophilus –, o iogurte deve, por essa razão, ser também consumido por crianças com intolerância à lactose. Da atividade dos referidos microrganismos vivos e ativos que se encontram no produto alimentar mencionado, destacam-se inúmeros benefícios, entre os quais o seu contributo para: • O bom funcionamento do aparelho digestivo; • A maior resistência a doenças do foro gastrintestinal; • A diminuição do colesterol; • A prevenção de doenças como a osteoporose e o cancro do cólon. O próprio soro do iogurte é rico em bacilos vivos, que propiciam o funcionamento do aparelho gastrintestinal, motivo pelo qual não o deve deitar fora, como é costume algumas mães fazerem. Importa ainda salientar outro aspeto importante no que toca ao iogurte: há que o preservar no frigorífico, para que se conserve na perfeição, pois só assim oferece a flora inalterada. <b>Contribui para o fortalecimento do organismo</b> Os nutrientes que o iogurte contém são indispensáveis ao organismo humano. A saber: • As proteínas são ricas, entre outros, em aminoácidos essenciais; • O cálcio favorece a formação óssea e o fortalecimento dos dentes – é de destacar a quantidade existente no produto; • As vitaminas A e as do complexo B apresentam um valor biológico bastante considerável; • Além disso, os referidos nutrientes têm repercussões em relação ao bem-estar do seu filho: • Favorecem a formação da flora intestinal; • Reforçam o sistema imunitário; • Previnem e ajudam no tratamento da diarreia; • Corrigem a preguiça intestinal; • Facilitam a reconstituição da função leucocitária a nível sanguíneo (os leucócitos são os glóbulos brancos que combatem infeções). As vantagens que o iogurte oferece são igualmente relevantes após um tratamento com antibiótico, em que o consumo diário do produto atua na reposição da flora intestinal normal e na diminuição do risco posterior de desenvolvimento de microrganismos indesejáveis. Portanto, dê iogurte ao seu filho todos os dias, respeitando sempre a dose diária recomendada, a qual corresponde a duas unidades (o equivalente a uma chávena de leite).

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here