CPT - Centro de Produções Técnicas

Segundo o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), em novembro o Brasil importou US$37,4 milhões em produtos lácteos. Na comparação com o mês anterior, este valor é 17,4% menor. Em outubro o valor gasto foi de US$45,3 milhões. O volume também caiu. Passou de 10,7 mil toneladas em outubro para 9,6 mil toneladas em novembro (-8,8%). O produto mais importado foi o leite em pó, seguido pelos queijos, que juntos somaram 7,5 mil toneladas e US$31,3 milhões em novembro. Os principais fornecedores dos produtos lácteos para o Brasil em novembro, em valor, foram a Argentina, o Uruguai e os Estados Unidos. Na comparação com o mesmo período do ano passado, tanto volume como faturamento caíram, 14,5% e 15,9%, respectivamente. A maior disponibilidade interna, com a safra, pode ter sido um dos fatores de redução no volume importado. O dólar valorizado também diminui a competitividade dos produtos importados.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here