CPT - Centro de Produções Técnicas

O Ministério da Agricultura promete apresentar uma proposta de projeto de lei nas próximas semanas destinando R$ 300 milhões para o fortalecimento do setor de lácteos em Minas Gerais, Goiás, Santa Catarina, no Paraná e Rio Grande do Sul. O anúncio do projeto foi feito pelo secretário do Produtor Rural e Cooperativismo da pasta, Caio Rocha, durante audiência na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados. Em sua apresentação, o secretário afirmou que o dinheiro deverá ser investido em assistência técnica, melhoramento genético e promoção comercial, em uma cadeia que envolve 1,3 milhão de produtores. Os cinco Estados envolvidos no projeto de lei respondem por 80% da cadeia nacional de lácteos. Também de acordo com o secretário, a produção brasileira de lácteos hoje é superior ao consumo interno e, por isso o ministério está empenhando em ampliar as exportações para países do Mercosul. Atualmente, a maior parte do excedente de lácteos é exportada para Angola, Argélia e Venezuela. Rocha disse também que o Brasil tem 11 estabelecimentos habilitados a exportador lácteos para a Rússia. A expectativa, acrescentou, é que mais 13 frigoríficos venham a obter autorização para embarcar leite e derivados para aquele país.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here