CPT - Centro de Produções Técnicas

A cooperativa neozelandesa Fonterra, uma das maiores produtoras de leite e derivados do mundo, espera que sua produção de leite caia 3,3% no ano­fiscal encerrado em 31 de maio, devido ao clima seco na Nova Zelândia, que reduziu o volume captado. A produção deve ficar em 1,53 bilhão de quilos de leite sólido, o que também significa uma redução de 3,3% na comparação com a estimativa anterior da cooperativa. Em algumas regiões onde a qualidade da pastagem diminuiu acentuadamente desde meados de janeiro, alguns agricultores pararam de ordenhar suas vacas mais cedo do que o normal, disse Miles Hurrell, diretor de negócios da cooperativa. “Há também uma redução no uso de suplementos alimentares para as vacas devido a menor valor pago pelo leite nesta temporada”, disse ele. Os preços globais dos produtos lácteos estão em queda. A Fonterra garantiu que vai atender todos os compromissos assumidos mesmo com a menor produção.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here