CPT - Centro de Produções Técnicas

A Yili Industrial Group Co. Ltd., um dos maiores produtores de laticínios da China, anunciou na sexta-feira que investirá 2 bilhões de yuans (US$ 327 milhões) em quatro projetos no setor na Nova Zelândia. A companhia da Mongólia Interior anunciou na sexta-feira sua base de produção na Oceania em Waimate, na Ilha do Sul, Nova Zelândia, após um investimento de 1,2 bilhão de yuans. A unidade, com departamentos de embalagem, produção, processamento e pesquisa e desenvolvimento, é a maior base integrada de produção de laticínios no mundo, segundo a Yili. A medida veio em meio à preferência cada vez maior de consumidores chineses por laticínios estrangeiros, pois a reputação das marcas locais foi prejudicada pelo escândalo de leite em pó infantil contaminado por melamina em 2008. O investimento de segunda fase será destinado a quatro projetos, que são uma planta de processamento de leite cru, uma de leite longa vida, uma de leite em pó e uma de embalagem. No mesmo dia, Yili assinou um acordo com a Universidade de Lincoln, na Nova Zelândia, com foco na pesquisa sobre como melhorar nutrição e garantir a qualidade dos laticínios.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here