CPT - Centro de Produções Técnicas

Enquanto muitos setores da economia braisleira estão recuando e até demitindo funcionários, a agricultura tem crescido, de acordo com dados do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Aproveitando esse momento, uma família que cria gado de leite em Engenheiro Beltrão, norte do Paraná, tem apostado na agroindústria para aumentar a renda. A família Ramos beneficia o leite na pequena agroindústira que montaram, e fabricam 25 quilos de queijo diariamente."A gente foi investindo em sala de ordenha, em maquinários para trabalhar. A gente não pode parar. E vale a pena porque a renda familiar melhorou muito", fala a agricultora Maria Aparecida Ramos. Em 2009 o Caminhos do Campo visitou a propriedade. Na época a agricultora entregava os queijos a domicílio. Ainda faz isto 3 vezes por semana. Mas o carro de entrega hoje é outro, graças ao rendimento da atividade. A venda dos produtos, que também aumentaram, é feita na feira da região. Os clientes fazem fila. "A qualidade é o diferencial. Eu gosto muito. O sabor ainda é caseiro", diz Zenaide Pinheiro Lopes. <b>Alta da agroindústria</b> Números divulgados pelo MTE sobre o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que a agroindústria teve um saldo de 8,5 mil vagas em abril, 0,5% a mais que o mesmo período do ano anterior. O balanço do Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre, divulgado pelo IBGE, também mostra um cenário positivo. Enquanto a indústria caiu 0,3% e o setor de serviços, 0,7%, a agropecuária subiu 4,7%.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here