Um fenômeno inusitado aconteceu em setembro. A maioria dos grupos que compõe o ICPLeite apresentou estabilidade de preços, como Energia e combustível, Reprodução, Mão-de-obra, ou Sal mineral, com pequena variação de 0,02% e Produção e compra de volumosos (0,80%). Ocorreu até deflação com o grupo Qualidade do leite (-1,47%). Mas, o grupo Alimentação Concentrada teve variação de 14,10% em apenas um mês, o que levou o ICPLeite/Embrapa para o valor de 5,75%. Os dados por grupos de custos encontram-se na Tabela 1.
 
Tabela 1. Variação de custos de produção de leite, geral e por grupo. Setembro de 2020.
 
Fonte: Embrapa Gado de Leite
 
O terceiro trimestre de 2020 acumulou inflação de 11,66%. O grupo Alimentação concentrada, registrou alta de 25,04%, seguida pelo grupo Qualidade do leite, 6,98%. A variação de Mão de obra se manteve em 4,69%, o grupo Sanidade acumulou 3,21% e Energia e combustível que também não variou, continua com o acumulado de 3,08%. Sal mineral, variou 2,80% e Produção e compra de volumosos aumentou 1,58%. O único grupo que variou negativamente foi Reprodução, apresentando queda de -1,28%. Os dados encontram-se na Tabela 2.
 
Tabela 2. ICPLeite/Embrapa. Acumulado no ano 2020.
 
Fonte: Embrapa Gado de Leite
 
A variação do acumulado de 12 meses foi 15,97%. Dois grupos acumularam variações acima de duas casas decimais: Alimentação concentrada variou 36,59% e Sal mineral, 13,12%. Devido ao seu peso dentro da ponderação do indicador, o custo da Alimentação concentrada foi o grupo que mais impactou a variação verificada. Deflação só foi verificada no grupo e Reprodução, – 1,28%. Os dados encontram-se na Tabela 3.
 
Tabela 3. ICPLeite/Embrapa. Acumulado nos últimos 12 meses.
 
Fonte: Embrapa Gado de Leite
Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here