CPT - Centro de Produções Técnicas

A China ordenou a três fabricantes lácteos da província central de Shaanxi para retirarem do mercado os seus produtos de leite em pó para crianças, após terem sido descobertos vários lotes adulterados, avança hoje a agência Xinhua. A Administração de Alimentos e Medicamentos da China assinalou, num comunicado na sua página na Internet, que as três empresas implicadas devem suspender a produção e distribuição de produtos de leite em pó, todos elaborados com leite de cabra. Em cinco lotes de leite em pó da empresa Guanshan Dairy foram detetados níveis excessivos de nitratos, durante duas inspeções realizadas este ano. Esta empresa já emitiu um comunicado em que prometeu retirar os produtos e tomar medidas para retificar a situação. Nas outras empresas, a Xian Guanshan Dairy e a subsidiária Shengtang Industry, foram encontrados lotes de produtos com níveis de selénio acima dos limites estabelecidos por lei. Os cidadãos chineses olham com receio para os produtos lácteos para bebés fabricados no país desde o escândalo com leite em pó contaminado com melanina, em 2008, que causou a morte de seis bebés e afetou mais de 300.000.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here