CPT - Centro de Produções Técnicas

O governador Tarso Genro visitou ontem, 03, as instalações da Cooperativa Central Gaúcha Ltda – CCGL, em Cruz Alta. No local, assinou contrato para o financiamento de R$ 107 milhões para a ampliação da planta industrial de leite em pó, com área total de 9.730 m² – aumentando a capacidade para processamento de 1 milhão para 2,2 milhões de litros de leite por dia. O contrato vai gerar 150 empregos diretos e 1,5 mil indiretos. A operação é no âmbito da linha Pronaf Agroindústria, no valor de R$ 70 milhões, e outros R$ 37 milhões são de linhas complementares com envolvimento de cooperativas singulares. "O que se vê aqui é um exemplo de atividade cooperativa exemplar, de alta tecnologia, que valoriza a base produtiva local. O Estado tem que apostar e investir", salientou o governador. O projeto ainda consiste na implantação de mais uma torre de secagem e conta com incentivos do Fundo Operação Empresa (Fundopem) e do Integrar-RS. Segundo o vice-presidente da cooperativa, Darci Hartmann, serão investidos R$ 124 milhões no somatório, através de crédito e recursos próprios. A previsão é que a nova linha de produção passe a operar em 2015. A ampliação da fábrica vai atender o aumento da oferta de leite dos produtores associados às 38 cooperativas que repassam o produto para a CCGL. A ação leva em conta o aumento de consumo de leite no mercado brasileiro e o mercado internacional. “A nova engrenagem tem como propósito inserir o Rio Grande do Sul no mapa do setor leiteiro mundial. A CCGL tem 171 mil associados, com uma produção de leite qualificada”, afirmou Hartmann. <b>BRDE</b> O BRDE nos últimos cinco anos alcançou crédito correspondente a R$ 105,2 milhões a empreendimentos da CCGL, que incluem o financiamento da usina de beneficiamento de leite em pó (primeira fase), a indústria de creme de leite UHT e financiamento de modernização no Terminal Graneleiro do Porto de Rio Grande.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here