CPT - Centro de Produções Técnicas

Serviço SIM, Serviço de Inspeção Municipal, selo que identifica e credencia a várias micro e pequenas empresas na região de Eunápolis a comercializar seus produtos em todos os setores comerciais da região. A instituição deste selo que é uma lei federal, permite que todos que fabricam produtos alimentares, sejam fiscalizados e que, quando seus produtos chegarem ao comercio estejam realmente fiscalizados e certificados, tais como: manteiga, queijo, requeijão, bolos, biscoitos, polpas, sucos, licores, doces dentre outros, de posse deste selo o empreendedor poderá buscar novas certificações para comercialização dos seus produtos em todo estrado ou até mesmo no país inteiro. Este selo, depois de vários estudos, foram feitas várias reuniões em vários setores com produtores rurais, e para cada tido de comércio e após estudos, foram feitas exigências diferentes, e para o obtenção deste selo, foram feitas inspeções, orientações como construir o local de produção, armazenamento e detalhes específicos, equipamentos corretos, salas de higienização, vestimentas adequadas e tudo mais. Na manhã desta 4ª feira 11/02, a Secretaria de Agricultura fez a entrega do 1º selo SIM a uma família produtora de queijos tipo frescal, que antes já tinha o referido selo, mas como mudou de endereço, o selo atual foi conferido pela Secretaria de Agricultura de Eunápolis. Com uma produção de mais ou menos 60 kg de queijo frescal por dia, que abastece primeiramente o mercado hoteleiro de Porto Seguro, dentro em breve o produto deverá ser entregue também para o mercado consumidor de Eunápolis. A fiscalização fica por conta da Secretaria de Agricultura através da Veterinária Dra. Julliana Nobre, dos técnicos agrícolas Neto e Moscoso, e do próprio Secretária Junior Bahia. Para este evento, que foi realizado no antigo Km 12, pois agora é Km 72, pois antes a medição era feita de Eunápolis para Cabrália, agora esta mesma medição é feita no sentido contrário, mas por muitos anos ainda será o 12, e estiveram presente o Secretário Junior Bahia, a veterinária Dra. Julliana Nobre, os técnicos agrícolas Neto e Moscoso, Dr. Élio do departamento jurídico da secretaria, José Carlos Asmar, o engenheiro agrônomo, Binho e com os donos da fábrica de queijos, Rosimeire da Paz Costa Oliveira, o esposo Isac Gomes de Oliveira e da filha Iasmim Costa Gray, portanto uma empresa genuinamente familiar. Rose já fabrica queijos há 20 anos, 10 anos no antigo endereço e 10 anos no atual, e já fez vários cursos tanto no CEFET como em Teófilo Otoni, portanto uma mistura de conhecimentos tanto na Bahia como em Minas Gerais, estado predominantemente queijeiro, atualmente somente queijos e ricota estão sendo fabricados, porém espaço para ampliação existe e com isto, novos produtos poderão ser fabricados e comercializados, que dependerá exclusividade de novos cursos e matéria prima que é o leite. Tanto o secretário Junior Bahia quanto seus auxiliares, ficaram muito felizes, pois estão vendo agora o fruto de tantos estudos surgir de forma consistente, objetiva e sólida, o que comprova que todo esforço deu certo e, agora eles esperam poder certificar mais fabricantes, para que o mercado interno enriqueça e futuramente o mercado estadual e nacional.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here