CPT - Centro de Produções Técnicas

Em relação à análise realizada pelo INMETRO sobre a qualidade dos queijos tipo Minas Frescal e Minas Padrão, a ABIQ (Associação Brasileira das Indústrias de Queijo) informa que não está de acordo com os resultados e esclarece que:

1. Considera que deveria ter sido mencionado que os resultados se referem somente à amostra analisada, e portanto não podem ser projetados para o lote ou para a marca como um todo, conforme consta do relatório do laboratório. Salienta-se que não foram adotados os procedimentos de amostragem e representatividade de cada amostra como estabelecido na legislação (RDC 12/2001 do MAPA).

2. Avalia que as empresas deveriam ter tido direito à contra-prova, o que não foi possível, pois o INMETRO não coletou amostras suficientes por marca. As empresas só foram notificadas sobre os resultados em fevereiro 2006, sendo que os queijos foram adquiridos entre outubro e novembro de 2005. Uma eventual contra-prova não poderia ser realizada, pois os produtos se encontrariam vencidos.

3. Quanto ao resultado geral apresentado, a ABIQ não concorda com a afirmação de que há 12 queijos não conformes (57%). Há 07 queijos não conformes (33%), dos quais 6 foram encontrados em temperaturas acima da estabelecida na legislação. As demais não conformidades se referem à temperatura nos pontos de venda.

4. Não concorda com a conclusão de que há tendência generalizada para a não conformidade. Julgamos que o correto seria separar a conclusão dos aspectos analisados, ou seja: Quanto às análises microbiológicas, apesar das temperaturas altas nos pontos de venda foram encontradas oito ocorrências de não conformidade num total de 84 possibilidades, o que demonstra na produção, uma tendência à conformidade;

Quanto à temperatura nos pontos de venda, há uma tendência a não observância dos parâmetros indicados, sendo este um aspecto que causa preocupação para a própria indústria queijeira que os faz constar das embalagens e sempre reforça junto aos pontos de venda a necessidade da manutenção dos queijos nas temperaturas recomendadas nos rótulos dos produtos.

Seguindo sempre as resoluções e orientações do Ministério da Agricultura, a ABIQ não medirá esforços para divulgar e estimular as melhores práticas e processos, junto às indústrias e em toda a cadeia de produção, distribuição e comercialização, visando disponibilizar aos consumidores produtos de qualidade.

Fábio Scarcelli Presidente da ABIQ.

Banner CHR Hansen 2020

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here